Pages

Cientista chinês é morto nos EUA em meio a possíveis ‘descobertas muito significativas’ de COVID-19

Bing Liu se tinha formado em Singapura e estava realizando trabalho de “excelência científica” sobre características do coronavírus antes de perder a vida de forma abrupta.

© REUTERS / Sean Dewitt

Do Pátria Latina, 08/05/2020

FacebookTwitterWhatsAppLinkedInEmailTelegramCompartilhar10

Um investigador médico da Universidade de Pittsburgh, EUA, foi morto a tiros dentro de sua casa em Ross Township, estado de Pensilvânia, EUA, relata a emissora NBC News citando autoridades locais.

Como parte da instituição, Bing Liu, de 37 anos, estava investigando o funcionamento do SARS-CoV-2, vírus que provoca a COVID-19. Acabou por ser morto no sábado (2) por Hao Gu, segundo a polícia de Ross Township.

Bing Liu, um pesquisador da Universidade de Pittsburgh que estava prestes a fazer “descobertas muito significativas” relacionadas à COVID-19, foi morto a tiros no sábado, informou a CNN. A polícia disse que há “zero indicações de que foi alvejado devido a ele ser chinês”, segundo o relatório.

“Bing estava prestes a fazer descobertas muito significativas para compreender os mecanismos celulares que estão na base da infecção pelo SARS-CoV-2 e a base celular das seguintes complicações”, escreve o Departamento de Biologia Computacional e Sistemas da Universidade de Pittsburgh.

“Vamos fazer um esforço para completar o que ele começou, em um esforço para homenagear sua excelência científica.”
Resultados da investigação

De acordo com a polícia de Ross Township, a razão da morte do professor chinês foi uma disputa com Hao Gu, o que não tinha nada a ver com o trabalho que realizava na instituição de ensino.


Nossa investigação das circunstâncias em torno das mortes de Bing Lu e Hao Gu indica que as ações ocorridas no sábado, 2 de maio de 2020, foram o resultado de uma longa disputa em torno de um parceiro íntimo.

Encontramos zero evidências de que este trágico evento tenha algo a ver com o emprego na Universidade de Pittsburgh, qualquer trabalho sendo realizado na Universidade de Pittsburgh e a atual crise de saúde que afeta os Estados Unidos e o mundo.

Devido ao fato de os indivíduos envolvidos não serem cidadãos dos Estados Unidos e de acordo com o protocolo de longa data, nossa revisão foi encaminhada às autoridades federais.

Liu era doutorado em ciências computacionais pela Universidade Nacional de Singapura, trabalhando como pós-doutorando na Universidade Carnegie Mellon antes de se tornar pesquisador associado na Faculdade de Medicina da Universidade de Pittsburgh, ambas nos EUA, e os membros da faculdade de medicina descreveram-no como um pesquisador excepcional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário