Pages

Povos indígenas do Maranhão buscam refúgio na mata para se proteger contra avanço do coronavírus

Decisão dos povos indígenas Guajajara e Awá Guajá, que vivem na Terra Indígena (TI) Caru, localizada no norte do Maranhão, foram tomadas após a realização de reuniões com as tribos


Do 247, 25 de março de 2020


(Foto: RODOLFO OLIVEIRA/AG. PARÁ)
247 - Ao menos dois povos indígenas que vivem na Terra Indígena (TI) Caru, localizada no norte do Maranhão, decidiram buscar refúgio na mata como forma de se proteger do avanço da pandemia do novo coronavírus. De acordo com o blog do jornalista Matheus Leitão, a decisão dos povos indígenas Guajajara e Awá Guajá foram tomadas após serem realizadas reuniões com as tribos. A etnia Awá Guajá possui três aldeias na Terra Indígena Caru, enquanto o povo Guajajara possui cinco na mesma região.

De acordo com do Ministério da Saúde, o Maranhão registra até o momento dois casos confirmados de pacientes infectados pelo coronavírus. Já a Secretaria Estadual de Saúde, afirma que os casos chegam a oito, todos na capital, São Luís.

Nenhum comentário:

Postar um comentário