Pages

Fiocruz defende decreto de emergência em saúde pública nos estados atingidos pelo óleo

A nota da Fundação Osvaldo Cruz defende a medida em razão dos riscos para a saúde pública e do desconhecimento sobre a origem do petróleo que contamina as praias do Nordeste brasileiro


Do 247, 3 de novembro de 2019


Tartaruga coberta por óleo em praia de Alcântara (MA) (Foto: Julio Deranzani Bicudo/via REUTERS)

247 – É urgente decretar emergência em saúde pública, nas regiões atingidas pelas manchas de óleo no Nordeste, segundo insta a Fundação Osvaldo Cruz. A lembrança foi feita pela colunista Hildegard Angel, jornalista pela democracia:



Nenhum comentário:

Postar um comentário