Pages

GOVERNO RETIRA DO AR PORTAL QUE REUNIA PESQUISAS OFICIAIS SOBRE DROGAS

Do Brasil, 247, 4 de Junho, 2019

Considerado o único banco de dados oficiais sobre drogas no país, o portal Obid está fora do ar há quase seis meses, desde que foi transferido do Ministério da Justiça para o da Cidadania, comandado por Osmar Terra, que em maio engavetou uma pesquisa realizada pela Fiocruz alegando que não confia no levantamento que não confirma a existência de uma epidemia de drogas no país

247 - Considerado o único banco de dados oficiais sobre drogas no país, o portal Observatório Brasileiro de Informações sobre Drogas (Obid) está fora do ar há seis meses, desde que foi transferido do Ministério da Justiça para o da Cidadania, comandado por Osmar Terra, que em maio engavetou uma pesquisa realizada pela Fiocruz alegando que não confia no levantamento que não confirma a existência de uma epidemia de drogas no país (leia no Brasil 247).

Para especialistas, o Obid era o único mecanismo que compilava dados coletados em pesquisas nacionais oficiais e a sua retirada do ar é um retrocesso. O biomédico e pesquisador do Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas, Renato Filev, afirmou ao jornal O Globo que a medida resulta na "diminuição da transparência" e demonstra a "aversão ao conhecimento por parte do ministro Osmar Terra.

"Tirar o portal do ar significa dificultar o acesso de pesquisadores, profissionais, gestores, estudantes e jornalistas à informação científica sobre o uso de drogas no Brasil. Informação esta produzida com dinheiro público pelas mais importantes universidades e centros de pesquisa brasileiros e disponível ao público desde 2002", disse Leon Garcia, do Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da USP.

Segundo o ministério, "o portal está sendo migrado e atualizado", embora não tenha sido informado quando ele foi retirado do ar e nem quando deverá ser reativado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário