Pages

INDÍGENAS PEDEM AUDIÊNCIA COM BOLSONARO E FUNAI NO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA


Um grupo de lideranças indígenas pediu nesta quinta-feira 6 para ser recebido pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), e escreveu uma carta de reivindicações; eles pedem para que a Funai (Fundação Nacional do índio) seja mantida no Ministério da Justiça e o fim de comparações de índios em reservas a "animais em zoológicos", como fez o político


Do 247, 6 de Dezembro, 2018


Brasília 247 - Um grupo de indígenas faz nesta quinta-feira 6 uma manifestação pacífica em Brasília, onde pede uma audiência com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). Entre as reivindicações das lideranças está a permanência da Funai (Fundação Nacional do índio) no Ministério da Justiça e o fim de comparações de índios em reservas a "animais em zoológicos", como fez o político recentemente.
O futuro governo cogita mover a Funai para o Ministério da Agricultura ou da Cidadania. "A Funai vai para algum lugar", disse nesta semana Bolsonaro, com descaso. Ele também insiste em minimizar a importância das reservas indígenas, garantidas pela Constituição de 1988.

No grupo que está em Brasília, há representantes de algumas tribos de vários estados, como Tocantins, Bahia, Pará, Espírito Santo, São Paulo e Ceará, que viajou até a capital federal para um fórum de saúde da área.

O coordenador executivo da Abip (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil) pela região Sul, Kretã, da tribo Kaingang no Paraná, afirmou que os povos indígenas se sentiram ofendidos pela maneira como vêm sendo tratados por Jair Bolsonaro, relata reportagem do UOL.

Nenhum comentário:

Postar um comentário