Pages

GLAUCO ARBIX: SEM INVESTIMENTOS, BRASIL ESTÁ ATRASADO TECNOLOGICAMENTE



Do 247, 5 de Agosto, 2018


O sociólogo Glauco Arbix participou do programa Brasil Primeiro, apresentado pelo ex-ministro Aloizio Mercadante, relatando as dificuldades que o campo da ciência, tecnologia e inovação sofrem sem os investimentos do governo; "O Brasil está paralisado no atual momento, as universidades estão à míngua, pesquisas interrompidas; o País está atrasado tecnologicamente", denuncia; assista a íntegra da entrevista
TV 247 - O sociólogo e professor da USP Glauco Arbix participou do programa Brasil Primeiro, apresentado pelo ex-ministro Aloizio Mercadante, relatando as dificuldades que o campo da ciência, tecnologia e inovação sofrem sem os investimentos do governo, ressaltando que tal realidade deixa um atraso cada vez mais evidente perante os países desenvolvidos. "Precisamos virar a página logo", alerta o professor.

Arbix, que é especialista em teoria da inovação e sociologia econômica, explica que a ciência, tecnologia e inovação fazem parte de qualquer governo que tem um mínimo de preocupação com o que irá ocorrer no futuro e que preza pela sobrevivência no mundo contemporâneo. "O Brasil avançou nos últimos anos, mas estamos paralisados no atual momento, as universidades estão a míngua, pesquisas interrompidas. O País está perdendo as oportunidades, essa é a questão", denuncia.

O professor explica que o mundo passa por uma intensa evolução tecnológica nos países avançados. "A China pretende ser liderança mundial em inteligencia artificial em 2030, por exemplo", compara.

Arbix considera que o Brasil precisa superar a atual fase de intolerância e ódio que paira sobre a população. "Isso só gera amais atraso e violência. Precisamos virar essa página e colocar a inteligência que o Brasil tem para funcionar, principalmente, prezando por um espaço mais democrático", conclui.

Inscreva-se na TV 247 e confira a entrevista com Glauco Arbix

Nenhum comentário:

Postar um comentário