Pages

Documentário retrata Áreas de Conservação Ambiental da Amazônia

Do GGN, 28 de Dezembro, 2017



Jornal GGN - O grupo musical Braza, em parceria com o diretor fotográfico Marcio Isensse e Sá, acaba de lançar “Moldado em Água - Retratos do baixo Tapajós”, um documentário que traz para cena as tradições culturais, sociais e ambientais de áreas da Amazônia, que vêm sofrendo com os atuais moldes econômicos. O filme, desenvolvido a partir do material de um clipe musical do grupo, está disponível no Youtube (assista abaixo).

“Moldado em Água - Retratos do baixo Tapajós” é uma viagem por Áreas de Conservação Ambiental de parte da Floresta Amazônica, das quais vegetações estão sendo derrubadas, queimadas e inundadas. Em 12 minutos, o filme denuncia a exploração de minério, a plantação de milho, soja e criação de gado em regiões florestais; hidrelétricas que ocuparam lugares santos de etnias indígenas; leis trabalhistas que são flexibilizadas e abusam das comunidades locais, além da violência com os sem moradia que ocupam terras devolutas.

O material capturado em 10 dias, em Santarém e em partes da Floresta Amazônica, conta com os depoimentos de Domingos dos Santos (Cacique Munduruku de Bragança); Mestre Chico Malta (Compositor, Violão e Voz) e Cláudio Matias (Percussão), do Grupo Cobra Grande Carimbó; Maria Margarete (Líder da Associação de Moradores do Bairro Vista Alegre do Joá); Luiz Antônio Melo (Comunidade Ribeirinha São Domingos), Manoel Pires ( da Associação de Moradores do Bairro Maracanã); Giuliana Henriques e Felipe Garcia (paulistas residentes há 10 anos, pesquisadores da região e produtores locais do documentário),

O filme retrata a luta diária indígenas, ribeirinhos, quilombolas e seringueiros e foi desenvolvido a partir da parceria do diretor Marcio Isensse com seu irmão Vitor Isensee, e os amigos Danilo Cutrim e Nícolas Christ, do projeto musical Braza, com o vídeo da música “Moldado em Barro”, do álbum “Tijolo por Tijolo”.

Marcio Isensee e Sá é videomaker, fotógrafo e colaborador de jornalismo ambiental. Ele também assina a direção de "Andes Água Amazônia" (2012), "Um Rio em Disputa" (2015) e "Sob a Pata do Boi", com previsão de lançamento para 2018.

Confira Moldado em Água - Retratos do baixo Tapajós:


Nenhum comentário:

Postar um comentário